A renovação de Valadares Filho

É certo que o amadurecimento é um processo de aprendizagem que, por vezes, se dá acompanhado de renovação pessoal e profissional. O curioso nos processos de amadurecimento político é que a tão falada renovação é composta por alianças de velhos nomes, geralmente, com experiências rejeitadas pelas urnas.

Esta semana, o ex-deputado federal Valadares Filho concedeu entrevista e comentou as eleições de 2020 em Nossa Senhora do Socorro, em São Cristóvão e na Barra dos Coqueiros. Colocou como renovação a aliança dele com Fábio Henrique em Socorro e com Adilson Júnior em São Cristóvão.

Com passagem por duas vezes na prefeitura de Socorro, Fábio Henrique deixou de ser novidade em Socorro há muito. A eleição do padre Inaldo comprovou isso, assim como o número de votos que Fábio obteve (35 mil) para a câmara federal. Só Nossa Senhora do Socorro tem 100.434 eleitores, conforme dados do Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe (TRE-SE).

Em São Cristóvão, Coronel Rocha se apresenta como novidade para a população da quarta cidade mais antiga do País, calejada por um passado de gestores corruptos e inoperantes. Mas, ao se unir com Valadares Filho, que acumulou três mandatos de deputado federal, e Adilson Júnior, que tenta sair da sombra do irmão, enfraquece o discurso do novo. Some-se a isso, o fato de Adilson não romper oficialmente com o prefeito Marcos Santana e ventilar uma possível candidatura majoritária com Betão. É o famoso pula-pula eleitoral.

A dita renovação de Valadares Filho ainda traz em seu bojo o ex-senador Valadares e a dobradinha de chapas rivais em Aracaju com Edvaldo. Pela terceira vez, o ex-deputado federal buscará alcançar a gestão municipal. Dessa vez, chega à disputa com três derrotas consecutivas: em 2012; em 2016 e 2018.

Em Socorro, Valadares confirmou compromisso com a pré-candidatura de Fábio Henrique baseado no apoio recebido em 2016 e em 2018, quando a então deputada estadual e esposa de Fábio, Silvia Fortes, foi vice na chapa contra Belivaldo. Ainda segundo o ex-deputado, o PSB pode ser fortalecido já que Elber Batalha é o primeiro suplente do pedetista.

Resta saber como ficará aliança entre Edvaldo Nogueira e Fábio Henrique após essas declarações. É possível confiar no discurso de parceria com o PDT se a direção nacional do Partido já demonstrou interesse em ter Edvaldo Nogueira entre os filiados? Essa ‘renovação’ de Valadares Filho pode envelhecer antes de acontecer.

Email: contato@imprensa24h.com.br
Telefone: 79 98808-2651
Clique neste link para me enviar mensagens no WhatsApp

Agilidade e informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h

Imprensa 24h

Agilidade e informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h

Deixe uma resposta