“Ao não cumprir promessa da Guarda Municipal, Marcos Santana contribui para o caos no controle de isolamento social”, afirma Adilson

O pré-candidato a prefeito de São Cristóvão, Adilson Júnior, inconformado com as faltas de ações preventivas por parte da prefeitura, fez um paralelo para aclarar o absurdo crescimento de casos confirmados no município.

“Fazendo uma comparação do dia 2 de maio para hoje, é de comum acordo que o número de casos de coronavírus no nosso município cresceu assustadoramente. No dia 2 de maio tínhamos 14 casos confirmados, nenhum óbito. Hoje, temos mais de mil casos e 51 óbitos. 51 vidas que foram perdidas”.

Abalado, Adilson Júnior rememora promessa não cumprida pelo atual prefeito, Marcos Santana.

“A guarda municipal, promessa de campanha não cumprida pelo atual prefeito, faz muita falta neste momento, pois ajudaria bastante no controle do isolamento social e, com certeza, faria diferença no quadro vivenciado”, destacou.

O novo coronavírus trouxe uma nova realidade, a qual, é difícil de se habituar. A Guarda Municipal tem um papel fundamental neste momento, em que se agrega o Poder de limitar liberdades individuais, se presente no município, poderia atuar ativamente no controle do isolamento social, fiscalização do uso de máscaras e aglomerações, orientando e atuando junto às equipes de saúde e vigilância sanitária.

Ausência de Ações Preventivas

São Cristóvão receberá mais de 10 milhões de reais para o combate a pandemia. Hoje, foram gastos mais de 4,5 milhões de reais e, mesmo assim, o número de casos só aumentam. Para o pré-candidato, o que tem faltado é ações de prevenção.

“Não bastando essa falta de comprometimento em não cumprir sua promessa, infelizmente, não estamos vendo ações de prevenção por parte da prefeitura. Mesmo com todo o dinheiro que o município está recebendo do Governo Federal e de emendas, não existem barreiras sanitárias para controlar a entrada de pessoas que aqui chegam, muito menos distribuição de máscaras e álcool em gel”, complementou.

Por se tratar de verba pública e a população ser afetada diretamente, Adilson finaliza seu posicionamento convidando a uma reflexão.

“As políticas públicas implementadas pelo prefeito Marcos Santana e pela secretária de saúde, Fernanda Santana, estão sendo eficazes?”.

 

 

 

Reprodução autorizada mediante citação da fonte: Imprensa 24h

 

Notícias de Sergipe

Email: contato@imprensa24h.com.br

Agilidade e informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h

Imprensa 24 Horas

Siga nossas redes:

Facebook
Instagram
Twitter

Imprensa 24h

Agilidade e informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h

Deixe uma resposta