Belivaldo Chagas participa de encontro com empresários sobre Parcerias Público Privadas

Nesta quarta-feira, 04, o governador Belivaldo Chagas participou do Seminário sobre Parcerias Público Privadas. O evento reuniu empresários, especialistas e gestores dos setores público e privado, no Quality Hotel, em Aracaju, para debater as possibilidades oferecidas pelas Parcerias Público-Privadas (PPPs) como alternativa ao desenvolvimento dos estados e municípios, sobretudo na área de infraestrutura, e seus desafios em termos de negócio.

“É um tema muito importante, que está sendo discutido no Brasil todo. Nós criamos a Superintendência Especial de Parcerias Público-Privadas e estamos atuando nessa área, com algumas PMIs já contratadas na área de saneamento. Trata-se de um momento em que temos que dar as mãos e buscar soluções práticas. É possível fazer concessões e parcerias em diversas áreas, um exemplo, aqui em Sergipe, é o caso da Ceasa de Itabaiana, na qual investimos mais de R$ 30 milhões para a construção, mas estamos buscando, via concessão, uma empresa que tenha interesse em fazer a gestão daquele equipamento. O que nos interessa é o cidadão se sentir atendido. Então vamos avançar nas parcerias público-privadas como alternativa viável para que investimentos aconteçam, já que também estamos vivendo um período de dificuldades para investimentos com recursos próprios”, explicou Belivaldo.

De acordo com um dos coordenadores do evento, Jorge Fraga, as PPPs surgem como uma forma de captação de recursos das esferas privadas na forma de investimentos. “O assunto é complexo e precisamos discuti-lo. Sergipe não pode fugir a essa realidade, e o governador já nos disse isso também. Que possamos, aqui, interagir e aproveitar o máximo”.

O presidente da Associação Sergipana de Obras Públicas e Privadas (Aseopp), Luciano Barreto, também defendeu a união como alternativa ao enfrentamento dos desafios econômicos do país e a ampliação do debate para o aperfeiçoamento das PPPs como modelo de investimento. “As Parcerias Público-Privadas e concessões são os únicos instrumentos, hoje, que o país tem para crescer. Mas é preciso aperfeiçoar as suas garantias”, defendeu.

Para o presidente da Associação Comercial e Empresarial de Sergipe (Acese), Marco Pinheiro, a colaboração entre os setores público e privado é fundamental para o enfrentamento da crise no país e precisa ser reforçada nos diversos campos. Como exemplo do bom relacionamento e diálogo entre os setores, Marco Pinheiro citou a recente redução das tarifas do gás natural pelo Governo do Estado. “Algumas empresas, hoje, em Sergipe, já estão economizando cerca de R$ 9 milhões após essa medida”.

O evento contou com palestrantes especialistas em Direito do Estado, Direito Administrativo, Modelagem Econômica, entre outros. A atividade é uma iniciativa do Sebrae-SE e da Advogar Oficina de Advogados, em parceria com a Associação Comercial e Empresarial de Sergipe (Acese), Governo do Estado, Construtora Celi, Eduardo Ribeiro Advocacia e CAV Advogados.

 

 

 

Email: contato@imprensa24h.com.br

Agilidade e informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h

Imprensa 24 Horas

Imprensa 24h

Agilidade e informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h

Deixe uma resposta