Câmara Vota: “Distritão” derrotado e coligações resgatadas

Na última quarta-feira, 11, a Câmara dos Deputados optou por aprovar uma nova reforma eleitoral, mas derrotou o, até então, objetivo da proposta, o “distritão”, através de um acordo com os partidos de oposição. No texto base da proposta de emenda à Constituição (PEC) ficou decidido o resgate das coligações entre partidos, extintas em 2017.

Para ficar definido a modificação, de fato, já nas eleições de 2022, a proposta precisa ser aprovada em dois turnos na Câmara e no Senado até o início de outubro.

A escolha pelo “distritão” resultaria em eleger somente os candidatos mais votados, sem proporcionalidade dos votos recebidos pelas legendas. Já a formação de coligações permite a união de partidos em um único bloco para a disputa das eleições proporcionais.

De acordo com informações da Câmara, os deputados voltam a se reunir em plenário para votar destaques ao texto, podendo até abrir a votação para o segundo turno e já encaminhar a proposta ao Senado.

Confiram o total de votos registrados:

• Texto-base da PEC (aprovado): 339 votos favoráveis, 123 contrários.

• Distritão (rejeitado): 35 votos favoráveis, 423 contrários.

• Volta das coligações (aprovada): 333 votos favoráveis, 149 contrários.

 

 

 

 

 

Notícias de Sergipe

Email: contato@imprensa24h.com.br

Imprensa 24 Horas

Siga nossas redes:

Facebook
Instagram
Twitter

Imprensa 24h

Notícias de Sergipe: Informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h.

Deixe uma resposta