Deputada Maria Mendonça sugere implantação de Postos de coleta de sangue em shoppings de Itabaiana e Socorro

Indicações protocoladas visam incentivar a doação de sangue, que caiu 50% no Estado, após o início da pandemia 

 

 

A deputada Maria Mendonça (PSDB) protocolou duas Indicações direcionadas ao governador Belivaldo Chagas, e à secretária de Estado da Saúde, Mércia Feitoza, para que adotem esforços visando a implantação de Postos de coleta de sangue no Shopping Peixoto, localizado em Itabaiana, e no Shopping Premium, em Nossa Senhora do Socorro, assim como foi feito no Shopping Riomar. As matérias aguardam análise da Assembleia Legislativa. 

 

Segundo dados da Fundação Parreira Horta, que gerencia o Centro de Hemoterapia de Sergipe (Hemose), a doação de sangue em Sergipe caiu cerca de 50%. “Isso é preocupante. Nada mais justo que facilitarmos essa ação para que mais doadores sintam-se à vontade para tomar essa iniciativa”, ressaltou, observando que a dificuldade de locomoção é um dos entraves mais comuns. “Colocar Postos de Coleta de Sangue nesses estabelecimentos, é uma forma eficaz de contornar essa situação e facilitar a vida de todos”, disse Maria.  

Ela citou que o Shopping Peixoto, por exemplo, está situado num local estratégico. A  maioria das pessoas que saem da Região Agreste do Estado com destino à capital, passa por ele. Sem falar no fluxo de visitantes e de funcionários que podem ser estimulados a fazer a tão necessária doação”, defendeu Maria, observando que de igual modo, há um relevante fluxo no Shopping Prêmio, em Socorro, segundo município mais populoso do Estado.  

 
Para Maria, a implantação sugerida não causará um comprometimento financeiro para o Estado e o seu benefício será imensurável. “O nosso Centro de Hemoterapia, muitas vezes, possui dificuldades em atender suas demandas, pois nem sempre consegue manter um estoque regular de sangue. Na primeira sexta-feira do mês, por exemplo, haviam 250 bolsas de sangue, quando o ideal seriam 400. Não podemos esquecer que quando falta sangue, vidas são ceifadas”. 

 
A deputada, ainda, lembrou que, segundo estudos, apenas 1,6% da população brasileira doa seu sangue com regularidade. “Em feriados e épocas de festas populares, a escassez enfrentada por Centros de Coleta de Sangue, como o Hemose, é ainda mais considerável. Isso é preocupante, pois é justamente nessa época que a quantidade de acidentes é maior e, muitas vezes, as vítimas precisam de uma transfusão de sangue para sobreviverem”, ponderou Maria. 

 
IMPORTANTE 

Segundo a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), para aqueles que apresentaram sintomas de Covid-19 ou tiveram contato com casos suspeitos ou confirmados da doença é preciso aguardar 14 dias após o contato para realizar a doação. Já em caso de pessoas infectadas pelo vírus, é necessário esperar 30 dias após a recuperação completa da doença. 

Quando se fala em pessoas que foram vacinadas, no entanto, Maria lembra que cada vacina possui um intervalo diferente antes de que se possa fazer a doação. “Para a Coronavac é importante que a pessoa espere 48h antes de fazer a doação. Para a Astrazeneca são 7 dias. É importante se informar e ficar atento”, observou a deputada. 

A deputada aproveitou e fez um apelo para a população não deixar de doar sangue. “É um gesto tão valioso e simples, que salva vidas! Se você puder fazer isso, não tenha medo. Procure o Posto de Coleta mais próximo de sua casa e dê a sua contribuição”, afirmou. 

Assessoria Parlamentar deputada Maria Mendonça

Notícias de Sergipe

Email: contato@imprensa24h.com.br

Imprensa 24 Horas

Siga nossas redes:

Facebook
Instagram
Twitter

Imprensa 24h

Notícias de Sergipe: Informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *