Pular para o conteúdo
Início » Edson Silva Nascimento: músico por amor

Edson Silva Nascimento: músico por amor

Edson Silva Nascimento nasceu na cidade de Capela-SE, em 13 de Setembro de1959. Filho de Francisco Vieira do Nascimento e de Maria Ivanilde Silva Nascimento. Viveu toda a sua infância e adolescência em sua cidade natal, onde estudou o primário no Grupo Escolar “Dr. Edézio Vieira de Melo”, e o Ginásio na Escola da Técnica de Comércio “Sagrado Coração de Jesus”, quando teve que parar os estudos para servir ao Exército Brasileiro no 28º Batalhão de Caçadores, em Aracaju, onde permaneceu de 12 de Janeiro de 1978 a 12 de janeiro de 1979.

Após ser licenciado do Exército, Edson, concluiu o segundo grau e começou a trabalhar no comércio como auxiliar de escritório na loja Paes Andrade. Em julho de 1979, foi aprovado em concurso para Datilógrafo na Universidade Federal de Sergipe (UFS), iniciando suas atividades na Reitoria.

Já como Servidor Público Federal, foi presidente do SINTUFS (Sindicato dos trabalhadores Federal de Sergipe) de 1996 a 1999. Foi conselheiro do Conselho Universitário da Universidade Federal de Sergipe-UFS, durante 3 mandatos, representando os Servidores Técnicos Administrativo. Ingressou no Coral da Universidade  Federal de Sergipe, (CORUFS) em 1980, permanecendo até o ano de 2006. À partir da experiência de corista, afeiçoou-se, e, passou a estudar música com o Maestro e Prof. Antônio Carlos Prech.

Ainda estudou Piano e Órgão no Conservatório de Música de Sergipe de 1985 a 1989. Foi regente do Coral do núcleo da 3ª idade na UFS, e, por fim, ensinou violão prático no Colégio de Aplicação, onde, também, regia o coral “APLICASOM.” Depois de exatos 38 anos de serviços prestados a UFS, Edson aposentou-se no cargo de Assistente em Administração.

O professor e músico Edson também fez arranjo instrumental e gravou o hino de Capela-SE. Ainda é autor de um hino ao Rio Branco Esporte Clube desta mesma cidade-2005; autor de um hino ao Centenário do Clube Sportivo Sergipe-2009; autor de um hino ao Colégio de Aplicação da UFS-2013; co-autor do hino dos aniversários de Capela com o músico e poeta Dr.Sérgio Lucas.

Recebeu as seguintes condecorações: Homenagem (Placa)com outros filhos de Capela pela Prefeita Aurelina de Melo Sobral no ano de 1993; Medalha “João Hora de Oliveira”, Outorga pela Diretoria do Clube Sportivo Sergipe-2006; Medalha de Honra ao Mérito Parlamentar “José da Trindade Prado” pela Câmara de Vereadores Municipal de Capela-2007; Comenda-Ordem do Mérito” Jackson Alves de Carvalho pela Diretoria do Rio Branco Esporte Clube – Capela –SE, 2018.

Atualmente é regente do coral da academia sergipana de letras, e do coral ‘APOSCEF EM CANTO” de aposentados da Caixa Econômica Federal. Curador do Memorial do Clube Esportivo Sergipe. Recebeu o título de “Cidadão Aracajuano no ano de 2017. Ainda no mesmo ano foi empossado na cadeira 20 da ACLA- Academia Capelense de Letras e Artes cujo patrono, é Manoel de Oliveira Campos (Autor da letra do “Hino Sergipano”).

Na sua trajetória de sucesso, o ilustre professor de música, foi empossado no ano de 2019 na cadeira 35 do Movimento Cultural Antônio Garcia Filho, da ASL-Academia Sergipana de Letras, que tem como Patrono “Dr. Clodomir Silva. No ano de 2020, ainda foi empossado   na Cadeira 34 da Academia Literocultural de Sergipe, (ALCS), patrono: “Maestro Leosírio Fontes Guimarães.” Nos dias atuais, Edson Silva Nascimento coopera, como organista, na Catedral Metropolitana de Aracaju.

Uma frase que o identifica é:”Os obstáculos nós superamos com a nossa dedicação!”

Escritora e Historiadora Josevânia Sobrinho Santos. Natural Japaratuba-SE. Formada em Desenho de Construção Civil pelo Instituto Federal de Sergipe, Auxiliar e Técnica de Enfermagem pelo Centro de Estudos, São Lucas, licenciada em História, pela Universidade Tiradentes, Pós graduanda em Psicanalise pela FAVENE, Presbiteriana. Atualmente funcionaria em Hospital de Cirurgia onde o trabalho vendo vidas chegando vencendo adversidades e seguindo em frente e outras vidas chegam e se encerram ali mesmo, fato que a levou a reflexão na qual criou está coluna e seus escritos biográficos. Seja bem vindo a leitura do Biografia de cada dia.

Imprensa 24h

Notícias de Aracaju, Sergipe e do Brasil

Instagram

Facebook

Twitter