Educação e Saúde estaduais unem-se em ações educativas e preventivas de saúde do trabalhador

Uma ação conjunta entre a Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura (Seduc) e a Secretaria de Estado da Saúde (SES) levará aos diversos setores da educação, Diretorias Regionais de Educação (DRE’s) e estabelecimentos escolares, ações educativas e preventivas de saúde do trabalhador, bem como capacitação e matriciamento para mediação de conflitos interpessoais no serviço, atividades pontuais de oficinas, palestras relacionadas à gestão de conflitos e apoio psicossocial para mitigação de danos causados pela pandemia por Covid-19.

De acordo com o diretor do Departamento de Recursos Humanos, Jorge Costa, a ação entre as duas secretarias construirá um Protocolo em Saúde Mental dos Trabalhadores da Educação do Estado de Sergipe, para enfrentamento aos transtornos pós-pandemia, bem como no cotidiano. “Diante do retorno das aulas presenciais previstas para o mês de agosto, vamos preparar os profissionais para trabalhar o conflito entre os próprios colegas, com alunos e os conflitos internos também, porque é necessário que seja feita a gestão do conflito e o apoio psicossocial a esses profissionais com o objetivo de mitigar os danos da pandemia”, disse.

O Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest), órgão vinculado à Secretaria de Estado da Saúde e ao Ministério da Saúde, é quem vai coordenar as ações de discussão de casos clínicos, encaminhamentos à rede especializada e trabalhos de prevenção, por meio de profissionais especialistas da área da saúde. “A priori nós tivemos uma discussão de um caso clínico com o psicólogo Elder, que faz parte do nosso quadro, e isso deve evoluir para a construção de um protocolo de acolhimento em saúde mental para as questões referentes à saúde, adoecimento ou acidente de trabalho dos trabalhadores e trabalhadoras da educação de forma geral”, relatou o coordenador geral do Cerest, Igor Nunes.

Início das ações

Para iniciar as ações, no dia 21 de julho, às 10h, a Seduc e o Cerest realizarão um encontro remoto, por meio do Google Meet, com a comunidade escolar do Centro de Excelência 28 de Janeiro, unidade que oferta o Ensino Médio em Tempo Integral no município de Monte Alegre de Sergipe, território do Alto Sertão sergipano. A atividade terá a coordenação do psicólogo clínico, mestre em Psicologia Social e professor do Cerest, Elder Magno Freitas. Segundo a chefe da Divisão de Bem-estar de Pessoal da Seduc (Dibem/DRH), Virgínia Lúcia Menezes, a unidade 28 de Janeiro, será um analisador e sinalizador para definição do fluxo de acolhimento em saúde mental na educação em Sergipe. Já no dia 28 de julho, às 10h, o encontro remoto, que também ocorrerá por meio do Google Meet, será inserido no projeto Gratidão, com a palestra “Sabedoria não se aposenta”, tendo como ministrante o coordenador do Cerest, Igor Nunes.

Assessoria de Comunicação da SEDUC – ASCOM

Notícias de Sergipe

Email: contato@imprensa24h.com.br

Imprensa 24 Horas

Siga nossas redes:

Facebook
Instagram
Twitter

Imprensa 24h

Notícias de Sergipe: Informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h.

Deixe uma resposta