Educação Estadual inicia série de lives em alusão ao centenário de Paulo Freire nesta terça-feira, 23

Para celebrar o centenário do nascimento de Paulo Freire, a Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura (Seduc), realizará uma série de encontros virtuais durante todo o ano letivo para lembrar e manter vivo o legado do educador. Para iniciar, nesta terça-feira, 23, às, 15h, o tema será “Contribuições de Paulo Freire para o debate sobre a formação inicial e continuada de professores”, com a palestrante Andréia Nunes Militão, da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), e a mediadora Simone Paixão Rodrigues, professora da Rede Estadual de Educação de Sergipe. A transmissão ocorrerá no canal do Youtube Educação Sergipe https://www.youtube.com/channel/UC3n580TWuleP3xRbUwxtZcA

Conforme o secretário de Educação, do Esporte e da Cultura, Josué Modesto dos Passos, Paulo Freire tem como premissa básica o compromisso do educar para a liberdade, o que significa educar para dominar os códigos das diversas leituras, das letras a matemática, do sócio-político ao cultural, em processos e situações adversas. “O que diria o Mestre nesse momento de pandemia? Cruzem os braços? Nunca. O pensamento do educador nos instiga a procurar saídas, a construir alternativas, a não deixar o processo educativo perder o esperançar do existir, do construir, de ser compromissado e competente”, disse.

Quanto à série de lives, Jonas Matos, técnico pedagógico da Assessoria Técnica da Seduc, este ano a Secretaria está reunindo pesquisadores locais e nacionais que se debruçam sobre o pensamento de Paulo Freire. Os encontros irão ocorrer até o mês de setembro, quando é chegado o dia de nascimento do educador, em 19 de setembro.

“Várias temáticas serão abordadas, tais como a gestão escolar, formação de professores e relação aluno professor. Acreditamos que essas discussões levarão professores, gestores escolares, gestores de Redes de Ensino e demais profissionais da educação a refletirem sobre suas práticas cotidianas a partir dos conceitos freireanos. Além disso, produziremos um arquivo audiovisual riquíssimo, que estará disponível no canal da Seduc no YouTube, e poderá ser utilizado em formações para diversos segmentos educacionais”, salientou Jonas.

Publicidade:

No dia 9 de abril, às 15h, o tema será “Leitura e escrita: desafios para a escola pública da atualidade”, com o palestrante Wagner Rodrigues Silva, da Universidade Federal do Tocantins (UFT). A mediação ficará por conta do professor Sidiney Menezes Gerônimo. Em 19 de abril, às 15h, as discussões serão em torno do tema “A atualidade do pensamento pedagógico transformador do educador brasileiro mais conhecido do mundo”. O convidado será Luiz Alberto de Alcântara, da Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR), com a mediação do professor Marcelo Domingos.

O tema “Paulo Freire: diálogos de esperança e saberes restaurativos” será debatido durante o encontro do dia 28 de abril, às 15h, com a colaboração do palestrante Arthur Mecci, da Universidade Federal de Viçosa (UFV) e da mediadora Adriane Damascena. No dia 3 de maio, às 15h, o tema sugerido será “O ato de educar que implica uma atitude ética”, e terá a presença do pesquisador Valdir Borges, da Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR), e a mediação da professora Cleciane Santos Alves.

Para o segundo semestre foram reservados três encontros: em 9 de junho, às 15h, a pesquisadora local Joelma Carvalho Vilar, da Universidade Federal de Sergipe (UFS), falará sobre o tema “Leituras freireanas: diálogos que permanecem”, e terá como mediadora a professora Meire Ferreira da Silva. No dia 12 de agosto, às 10h, o tema tratado será “Paulo Freire em tempos de esperança”, com a participação de Alder Júlio Ferreira Calado, da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Caruaru (FAFICA/UFPB), e a mediação do professor Carlos Alexandre Aragão. Por fim, no dia 15 de setembro, às 15h, na mesma semana de aniversário do educador Paulo Freire, os participantes irão refletir sobre o tema “Paulo Freire entre o passado e o futuro”, com o pesquisador local Christian Lindberg Lopes do Nascimento, da Universidade Federal de Sergipe (UFS), e o mediador e professor Jonas José de Matos Neto.

Assessoria de Comunicação da SEDUC – ASCOM

Notícias de Sergipe

Email: contato@imprensa24h.com.br

Agilidade e informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h

Imprensa 24 Horas

Siga nossas redes:

Facebook
Instagram
Twitter

Imprensa 24h

Agilidade e informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *