Edvaldo se antecipa a enchentes e levará famílias do Largo da Aparecida para hotéis

O prefeito Edvaldo Nogueira reuniu o Comitê de Gerenciamento de Crise, na tarde desta quarta-feira, 20, através de videoconferência, para tratar do impacto das fortes chuvas em Aracaju, em especial no bairro Jabotiana, e definir as ações preventivas e de atendimento à população da região. Somente nas últimas 24 horas, a cidade registrou um acumulado de 80 mm de índice pluviométrico, podendo chegar a 130 mm até o final do dia, segundo a previsão dos institutos meteorológicos.

Neste cenário, considerando ainda que a barragem do rio Poxim atingirá sua capacidade máxima, o que levará a verter água, somado ao aumento da maré do rio Poxim, o que pode provocar alagamentos no Largo da Aparecida, região onde residem pessoas em situação de vulnerabilidade social, ficou definida na reunião a retirada dessas famílias de suas casas e o encaminhamento delas para hotéis, sob o custeio da administração municipal; o envio dos móveis destas residências para um galpão da Prefeitura para evitar perdas materiais, e a constituição de uma equipe de saúde para monitoramento destas famílias e, em caso de suspeita de síndromes gripais, o encaminhamento para atendimento especializado.

Além de pedir que todos mantenham atenção redobrada, o prefeito orientou as equipes a atuarem com cautela, diante de um agravante: a pandemia do novo coronavírus. “Convoquei essa reunião para que pudéssemos avaliar o trabalho realizado até o momento e, também, para que possamos redobrar a atenção, diante da previsão de mais chuvas na cidade. Estamos vivendo uma situação completamente diferente, uma vez que enfrentamos uma pandemia provocada pelo novo coronavírus, então os cuidados devem ser ainda maiores”, disse.

Edvaldo determinou ainda que a retirada das famílias do Largo da Aparecida seja iniciada nesta quarta-feira. “Vamos agir antecipadamente. Por isso, iniciaremos ainda hoje a retirada destas pessoas. Temos que garantir a segurança dessas famílias, mas ao mesmo tempo assegurar que elas não tenham perdas materiais”, afirmou o prefeito.

Desde a manhã desta quarta-feira, a Defesa Civil está indo de porta em porta no bairro Jabotiana para orientar sobre a possibilidade de enchentes, principalmente para antecipar a retirada de pessoas que tenham dificuldade de locomoção. A Secretaria da Assistência Social, por sua vez, contactou hotéis e pousadas, para o recebimento das famílias do Largo da Aparecida, além de já assegurar material de higiene e alimentação para as pessoas que forem acolhidas. Ônibus também serão disponibilizados para o deslocamento das pessoas. A Guarda Municipal fará o monitoramento das residências e do galpão onde serão colocados os móveis das famílias, para evitar arrombamentos e roubos.

Um grupo de trabalho foi criado pelo prefeito para atuação direta no enfrentamento às chuvas, sob a coordenação do secretário da Defesa Social, Luís Fernando Almeida, e do coordenador da Defesa Civil, major Silvio Prado, com a participação dos secretários Simone Santana (Assistência Social), Luiz Roberto Dantas (Serviços Urbanos), Alan Lemos (Meio Ambiente), Renato Teles (Transporte e Trânsito) e Waneska Barboza (Saúde)

Notícias de Sergipe

E-mail: contato@imprensa24h.com.br

Agilidade e informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h

Imprensa 24 Horas

Siga nossas redes:

Facebook
Instagram
Twitter

Imprensa 24h

Agilidade e informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h

Deixe uma resposta