Escolas da rede estadual entregam livros didáticos aos alunos que estão em casa

A Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura, por meio do Departamento de Apoio ao Sistema Educacional (Seduc/Dase), tem intensificado a entrega dos livros didáticos nas comunidades escolares da rede estadual. O material é ofertado por meio do Programa Nacional do Livro Didático (PNLD), que compreende um conjunto de ações voltadas para a distribuição de obras didáticas, pedagógicas e literárias, entre outros materiais de apoio à prática educativa, destinados aos alunos e professores das escolas públicas de educação básica do país.

Com entrega diretamente aos pais ou responsáveis legais pelos alunos, a mobilização ocorre em todo o estado e vem respeitando as recomendações de distanciamento social e higienização com a finalidade de conter a propagação do coronavírus (Covid-19). Segundo a professora Eliane Passos, diretora do Dase, o processo de entrega beneficia os estudantes que não receberam o material didático antes da suspensão das aulas, previsto no decreto estadual. “Em suma, precisamos garantir que todas as escolas recebam os livros demandados. A partir disso, auxiliarmos no remanejamento dos livros entre as escolas e estas, por sua vez, a entrega aos estudantes, conforme suas possibilidades”, frisou.

Ela ainda informa que, de acordo com a demanda de cada unidade escolar, o Departamento fez um mapeado detalhado para verificar a disponibilidade dos títulos a serem distribuídos. “Fizemos uma força tarefa para fazer com que os livros chegassem àquele aluno que não os havia recebido no início do ano letivo. E é nesse sentido que estamos trabalhando: prover os meios e buscar os caminhos para solucionar esta demanda juntamente com as comunidades escolares”, completou Eliane Passos.

Em Lagarto, a equipe diretiva do Colégio Estadual Dr. Evandro Mendes arregaçou as mangas e colocou em prática um grande mutirão para a entrega dos livros didáticos, do PNLD 2020, dos alunos do 6° ao 9° ano. A gestora da unidade, professora Solange Dias Santos, explica que no primeiro momento a mobilização ocorreu por meio das plataformas de troca de mensagens. “Para fazermos a divulgação da entrega, como por exemplo, ligações de celular,  mensagens via WhatsApp e pelas redes sociais, Facebook e Instagran. Pegamos as listas atualizadas com os nomes e contatos dos alunos matriculados em 2020 e procedemos às ligações para os familiares. Dividimos a entrega dos livros por data, primeiro as turmas dos 6°s anos, depois as do 7°, 8°, e por último o 9° ano”, detalhou.

A diretora ainda conta que durante a entrega, “também transmitimos orientações acerca das atividades contidas nos livros, sob orientação dos professores, para que os estudantes pudessem estudar em casa. Organizamos o espaço escolar com a ajuda de outros colaboradores e usamos as medidas preventivas de higiene.  Na oportunidade fizemos a distribuição dos kits da merenda escolar para os alunos cadastradaos no Bolsa Família”, disse.

No município de Divina Pastora, no Centro de Excelência Dr. João de Melo Prado, unidade que oferta o ensino médio em tempo integral, toda a comunidade esteve engajada na entrega dos livros didáticos. A diretora, professora Shirley da Anunciação Cruz, conta que, além dos anúncios feitos nos grupos de WhatsApp, um carro de som foi utilizado na ação. “Uma mobilização que atingiu 90% dos nossos alunos. Portanto, continuaremos com o trabalho para atender aqueles que ainda não receberam o material”, concluiu ela, lembrando ainda a parceria estabelecida com a Prefeitura de Divina Pastora, algumas escolas municipais e particulares.

 

 

 

Reprodução autorizada mediante citação da fonte: Imprensa 24h

 

Notícias de Sergipe

Email: contato@imprensa24h.com.br

Agilidade e informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h

Imprensa 24 Horas

Siga nossas redes:

Facebook
Instagram
Twitter

 

Imprensa 24h

Agilidade e informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h

Deixe uma resposta