“Estamos trabalhando com determinação e foco na construção deste projeto”, afirma Eduardo Amorim sobre 2022

Em entrevista nesta segunda-feira, 18, à Fan FM, o presidente do PSDB Sergipe, o médico e ex-senador Eduardo Amorim, falou sobre a visita do governador de São Paulo, que disputa as prévias internas para definir o nome do partido para a Presidência em 2022, a Sergipe na última sexta-feira (15). O médico também falou sobre as necessidades da saúde no pós-pandemia e as perspectivas políticas para o próximo pleito.

Para ele, o partido vem fazendo algo inédito e diferente dos demais ao promover as prévias para definir quem será o presidenciável pela sigla no próximo ano. “Todos os filiados podem votar via aplicativo disponibilizado pelo PSDB e que pode ser baixado no celular”, detalhou o presidente do PSDB Sergipe.

Ao falar sobre a visita de Doria, Eduardo Amorim destacou que o governador de São Paulo veio exclusivamente a Sergipe. “Mostrando que embora seja um estado pequeno tem sim importância neste processo. Ele conversou com a militância, atendeu à imprensa e esteve reunido com empresários para trazer suas propostas. Estamos abertos para receber também os outros dois candidatos, o governador Eduardo Leite e o ex-senador Arthur Virgílio, e esperamos que eles também venham dialogar conosco”, salientou.

Sobre as eleições em âmbito estadual, Eduardo Amorim reafirmou que seu nome à disposição para o Senado. “Inclusive o governador Doria reforçou isso durante sua visita a Sergipe. Estamos trabalhando com determinação e foco na construção deste projeto. Inclusive, temos recebido o carinho e apoio dos sergipanos por onde a gente passa e por meio das redes sociais”, frisou.

Sobre apoio para a disputa do Governo do Estado, o presidente do PSDB Sergipe afirmou que pode surgir um nome surpresa além dos que já estão colocados. “Um dos nomes que temos defendido é o do ex-prefeito Valmir de Francisquinho. Estamos buscando reagrupar a oposição, mantendo o diálogo constante, e temos tempo para isso. Inclusive, teremos uma grande oportunidade na próxima eleição, uma vez que a base governista deverá estar dividida”, enfatizou.

Saúde

Médico, Eduardo Amorim também tratou da pandemia, lembrando a demora para iniciar a vacinação e os mais de 600 mil mortos pela Covid-19 no Brasil, além dos diversos procedimentos de saúde que deixaram de ser realizados. “A exemplo de cirurgias eletivas e que deverão ser retomados a partir de agora. Por isso é preciso toda uma estrutura para atender a toda essa demanda represada. Os governos já deveriam estar fazendo isso”, afirmou.

“Inclusive, no encontro com o prefeito Edvaldo Nogueira, sugerimos que a prefeitura de Aracaju fizesse o Corujão da Saúde, como em São Paulo, para atender à demanda de exames represados. Ele disse que é sim o momento de pensar nisso”, complementou.

Para finalizar, Eduardo Amorim respondeu aos questionamentos de ouvintes sobre a construção do hospital do Câncer de Sergipe. “São dez anos de ‘pendenga’ para construir o Hospital e que possui recursos disponíveis na conta, trabalhamos bastante para isso. É preciso buscar os meios para vencer os obstáculos e tirar do papel essa importante unidade hospitalar. Que bom que estão construindo também o Hospital de Amor em Lagarto”, concluiu.

Assessoria de Imprensa

Senador Eduardo Amorim (PSDB-SE)

 

 

 

 

Notícias de Sergipe

Email: contato@imprensa24h.com.br

Imprensa 24 Horas

Siga nossas redes:

Facebook
Instagram
Twitter

Imprensa 24h

Notícias de Sergipe: Informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *