Fábio Henrique defende periculosidade para Civis e Militares

A violência é uma realidade em todo o país e os policiais Civis e os Militares, bem como os Bombeiros, lutam incessantemente para restabelecer a ordem e proteger as famílias. Mas esse trabalho, que exige risco dos profissionais, não possui o devido reconhecimento. Isso fez com que o deputado federal Fábio Henrique (PDT/SE) utilizasse a tribuna da Câmara Federal, na tarde dessa terça (11), para destacar a união dos Civis e Militares em Sergipe e também solicitar os 40% de periculosidade para os profissionais.

“Existe um movimento que nasceu no meu estado, Sergipe, chamado ‘Polícia Unida’ que envolve as polícias estaduais – Militar, Civil e do Corpo de Bombeiros Militares. Em um gesto histórico, se uniram para conseguir os 40% de periculosidade. Essa é uma causa justa, e é preciso que a sociedade saiba que são esses homens e mulheres que estão 24 horas por dia nas ruas defendendo às famílias e mantendo a integridade das pessoas”, destacou o deputado.

Para Fábio Henrique, os profissionais da Segurança Pública muitas vezes são injustiçados e criticados, mas são para eles que a sociedade sempre os recorre na necessidade. “Não é justo que eles estejam nas ruas sem ter direito ao adicional de periculosidade, me parece muito claro que essas são atividades de risco”, defendeu.

O deputado Fábio Henrique também destacou a reunião que houve no seu gabinete em Aracaju, com os representantes do movimento ‘Polícia Unida’. “Ontem (dia 10), recebi o delegado Adelmo Pelágio (Adepol/SE), o policial Ênio Nascimento (Sinpol/SE), o cabo Murilo e o sargento Nego Lau (Militares representantes da reserva e dos reformados), e o sargento Morais (Policiais e Bombeiros Militares), para debatermos sobre esse assunto. Eles estão diariamente colocando suas vidas em risco e precisam dessa valorização”, afirmou o deputado.

 

 

 

Notícias de Sergipe

Email: contato@imprensa24h.com.br

Imprensa 24 Horas

Siga nossas redes:

Facebook
Instagram
Twitter

Imprensa 24h

Notícias de Sergipe: Informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *