ITPS alerta consumidores para os cuidados nas compras de Páscoa

Com a chegada da Semana Santa, o Instituto Tecnológico e de Pesquisas do Estado de Sergipe (ITPS) – Órgão Delegado do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) orienta os consumidores para que observem os brinquedos oferecidos como brindes nos ovos de páscoa e fiquem atentos ao peso dos chocolates em geral e pescados.

O diretor-presidente do ITPS, Kaká Andrade, explica que apesar de o cenário apontar queda na venda dos itens de Páscoa, os ovos de chocolates continuam entre os produtos mais vendidos e, por isso, é preciso atenção na hora de comprá-los. “Se a opção do consumidor é comprar ovos de Páscoa que trazem brindes, a recomendação é observar, na embalagem a presença de uma frase indicando que o produto contém um brinquedo certificado no âmbito do Sistema Brasileiro de Avaliação da Conformidade. Já o brinquedo, independentemente de estar dentro ou fora do ovo de Páscoa, deve trazer o Selo do Inmetro, indicando que ele passou por ensaios e atende aos requisitos mínimos de segurança estabelecidos pela legislação”, completa.

A indicação de faixa etária do brinquedo oferecido como brinde também deve ser observada na hora da compra e da entrega para a criança. “É preciso verificar e respeitar a faixa etária do produto. Nunca ofereça um brinquedo para uma criança com idade menor à faixa etária recomendada, pois ele pode conter partes pequenas, bordas cortantes e outros perigos, expondo a criança a riscos como engasgamento ou cortes, por exemplo. Se a criança é menor de três anos, a orientação é verificar as condições do brinquedo e ter cuidado com as embalagens e itens como, tiras, barbantes, grampos, sacos plásticos, cordões ou arames, evitando danos físicos às crianças menores”, aconselha Kaká Andrade.

Ainda no momento da compra, vale observar o peso informado na embalagem dos ovos de chocolate, bombons e chocolates. “Esses produtos devem trazer de maneira clara, a indicação do peso líquido na embalagem. A informação deve se referir somente ao peso do produto, desconsiderando o valor da embalagem (tara) e de eventuais brindes. Em caso de desconfiança ou dúvida, o consumidor pode acionar a ouvidoria do ITPS”, ressalta o diretor-presidente do ITPS.

Publicidade:

Pescados

O consumo de pescados nesta época é muito comum. Nesse caso, a orientação da gerente executiva de Metrologia e Qualidade Industrial do ITPS, Maria Inêz de Almeida, é observar o peso, cuja indicação deve se referir somente ao peso do produto, desconsiderando o valor da embalagem (tara) ou da camada de gelo. “Ao comprar peixe em conserva, pré-embalado ou congelado, o consumidor pode, em caso de dúvida, solicitar a conferência do peso do produto em uma balança do estabelecimento”.

Se a opção for peixe fresco, o consumidor deve acompanhar a pesagem e o processo de embalagem do produto. “Seja na feira, mercado ou supermercado, o ideal é que a pessoa observe a pesagem do produto. Vale lembrar que as balanças devem apresentar uma etiqueta com o selo do Inmetro e estar em local visível ao consumidor”, finaliza.

Em caso de dúvidas, consumidores e comerciantes podem contar com o auxílio do ITPS. O contato é feito por meio da Ouvidoria, que está disponível pelo telefone (79) 3179 8055 e do email ouvidoria@itps.se.gov.br.

 

 

 

 

 

Notícias de Sergipe

Email: contato@imprensa24h.com.br

Agilidade e informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h

Imprensa 24 Horas

Siga nossas redes:

Facebook
Instagram
Twitter

Imprensa 24h

Agilidade e informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *