Pular para o conteúdo
Início » Maria José Soares Figuerôa um legado brilhante na Enfermagem

Maria José Soares Figuerôa um legado brilhante na Enfermagem

Maria José Soares Figuerôa nasceu na cidade de Aracaju-SE no dia dezenove de fevereiro de 1940. Filha de Artur Soares e Edite Soares Santos. Foi casada e mãe de 4 filhos: Josevandro Soares Figueirôa, Meirivandra Soares Figueirôa, Edvandro Soares Figueirô e Gilvandro Soares Figueirôa.

Concluiu o primário em 1954 no grupo Escolar General Valadão, o Ginásio em 1960 no Colégio Pio-Décimo, o pedagógico em 1964 no Colégio Tiradentes e o curso superior em 1968 na Faculdade de Enfermagem Raquel Haddock Lobo na Universidade do Estado da Guanabara-UEG. Maria José tinha afeição pelo curso de direito e enfermagem, mas sua mãe a convenceu a cursar enfermagem. Contou também com o apoio da enfermeira Louralina M. Meneses que foi sua chefe por 6 anos no dispensário de tuberculose onde a mesma trabalhou como atendente de enfermagem.

Na Universidade, atuou como presidente do Diretório Acadêmico “Dr.  Carlos Chagas” da Faculdade de Enfermagem Raquel Haddock Lobo-UEG, em 1967 e 1968, participou também de vários cursos de extensão enquanto universitária, a exemplo: Curso de extensão terapêutica clínica promovido pela UFS no período de 01 a 08 de julho de 1971, seminário sobre currículo para curso intensivo de auxiliar de enfermagem, promovido pela escola de auxiliar de enfermagem Dr. Augusto Leite em convênio com o Ministério da Saúde, Ministério da Educação e Cultura, OPAS/OMS e UNISEF em dezembro de 1972, curso de atualização de saúde pública promovido pela secretaria de saúde pública/ PIPMO, através da Assessoria Setorial de Planejamento, realizado em Aracaju no período 04 a 10 de fevereiro de 1973, curso de atualização em Enfermagem Materno Infantil promovido pelo Ministério da Saúde, realizada no período 07 de janeiro a 22 de fevereiro de 1974, curso de atualização em Epidemiologia promovido pelo Departamento de Saúde e Serviço Social da Prefeitura Municipal de Aracaju, no período de 13 a 19 de maio de 1974, curso de Licenciatura em Disciplinas Especializadas do 2ª Grau promovido pela Faculdade de Educação em convênio CETEBA-UFS-SEC, realizado de janeiro a julho de 1975, curso Básico de Saúde Pública Instituto Osvaldo Cruz, realizado no Rio de Janeiro no período de julho a dezembro de 1975, curso sobre consulta de enfermagem na Assistência Materna promovido pela Secretaria Nacional de programas Especiais de Saúde, realizado em Brasília no período de 04 a 15 de Junho de 1979.

Maria José, trabalhou como enfermeira da Fundação de Beneficência do Hospital de Cirurgia(FBHC) de 10/01/1969 a 10/12/1982, no Departamento de Serviços Público como Atendente no Dispensário de Tuberculose, pela SES, (Secretaria de Estado da Saúde), de 01/12/1960; foi promovida a auxiliar de medicina em 30/04/1963, e em seguida para o cargo de auxiliar de enfermagem em 28/01/1964 a 30/04/1970.

Na SES, exerceu a função de Enfermeira   de 01/05/1970 a 09/11/1982, e logo passou a atuar como Enfermeira Nível NS-01, após ser habilitada e classificada no concurso Público nº14/18, cargo assumido em 30/11/1978. Foi professora da Escola de Auxiliar de Enfermagem Dr. Augusto leite, na disciplina Estudos Regionais em 1980; e do departamento de saúde comunitária da Universidade Federal de Sergipe, coma disciplina introdução a saúde pública de 1980 a 1982 e saúde coletiva em 1982.

Foi enfermeira supervisora do 1º centro executivo regional de saúde 1º (CERSA) da secretaria de estado da saúde na década de 70, supervisora de equipe na campanha nacional contra poliomielite promovido pela secretaria de estado da saúde em 1972. Foi membro da Comissão Central da Campanha Nacional contra a Poliomielite promovida pela secretaria da saúde, também foi chefe de enfermagem da Unidade de Clínica Médico- cirúrgica da Fundação de Beneficência Hospital de Cirurgia ( FBHC ) no período de 1971 a 1974, dentre outros.

A enfermeira Maria José Soares Figueroa faleceu em 10/11/1982. Após seu falecimento foi construída uma unidade na fundação de beneficência hospital de Cirurgia ( FBHC ) que recebeu o nome de Unidade de Internamento Maria  José Soares Figuerôa. Também foi homenageada com o posto de saúde em seu nome no conjunto Eduardo Gomes, com o nome de, centro de saúde Maria José Soares Figueroa. Essas homenagens póstumas foram feitas em reconhecimento a profissional competente que foi e pelas muitas contribuições nas áreas que atuou.

Informações colhidas do “Projeto História de Vida na Enfermagem em Sergipe”, da Universidade Federal de Sergipe, Departamento de enfermagem e nutrição.

Responsável: Profª. Dra. Maria Jésia Vieira

Profª. Yêda Mary da Paixão

Equipe:

Arthur Louis de Melo e Silva

Daniel Andrade de Vasconcelos

Fabiana Pereira Guimarães Brito

Sineide Souza Maia

Por: Vânia Sobrinho

Imprensa 24h

Notícias de Aracaju, Sergipe e do Brasil

Instagram

Facebook

Twitter