Pular para o conteúdo
Início » Maria Mendonça propõe criação de programa de teste vocacional para alunos da rede estadual em Sergipe

Maria Mendonça propõe criação de programa de teste vocacional para alunos da rede estadual em Sergipe

Objetivo é permitir que estudantes tomem decisões sobre futuro profissional e pessoal de forma mais consciente.

Tramita na Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese) o Projeto de Lei (PL) 135/2022, de autoria da deputada estadual Maria Mendonça (PDT), que institui o programa “Teste Vocacional para os alunos das Escolas Públicas Estaduais de Sergipe”. A propositura passará por análise das Comissões Parlamentares da Casa, como a Comissão de Constituição e Justiça, antes de ir à apreciação em plenário, quando será colocada em votação.

De acordo com Maria, o intuito da iniciativa é oferecer aos estudantes da rede estadual de ensino subsídios para que exerçam o autoconhecimento, e, assim, possam tomar decisões mais conscientes tanto no âmbito profissional, quanto no pessoal. “O teste vocacional será o aperfeiçoamento da formação dos jovens, que, muitas vezes, não possuem os recursos financeiros necessários para realizá-lo”, explicou a deputada estadual, que ressaltou que o direito de condições iguais de acesso à educação inclui, também, esse tipo de instrumento.

O texto do PL prevê que o teste vocacional seja aplicado a partir das turmas do 9º ano das escolas estaduais de Sergipe. Para a parlamentar, esses estudantes “possuem o discernimento necessário para a realização do teste, que os orientará para o ingresso em cursos técnicos profissionalizantes ou em instituições de ensino superior e, ainda, no mercado de trabalho”, defendeu Maria.

Além disso, a propositura da deputada estadual determina que o teste seja aplicado por professores da própria rede de ensino do Estado de Sergipe, desde que sejam devidamente habilitados ou treinados para esse tipo de atividade. O PL define, também, que, se aprovada, o Poder Executivo tem prazo máximo de 90 dias para regulamentação da Lei, contados a partir da data de sua publicação.

“É uma matéria de grande importância para a população sergipana, em especial para a juventude. É conhecendo a nós mesmos que podemos traçar nossos objetivos pessoais e profissionais, e não é prudente deixarmos nossos estudantes às escuras. O teste vocacional não definirá de forma cabal e absoluta o destino do aluno, mas lhe dará um norte muito rico de que caminhos poderá trilhar. Será um guia fundamental”, destacou Maria Mendonça.

Imprensa 24h

Notícias de Aracaju, Sergipe e do Brasil

Instagram

Facebook

Twitter