No Senado, Rogério vota a favor de projeto que afrouxa a Lei da Ficha Limpa

Com voto favoárvel do senador Rogério Carvalho (PT), o Senado Federal aprovou na terça-feira (14) o PLP (Projeto de Lei Complementar) 9/2021, que dificulta o enquadramento na Lei da Ficha Limpa de gestores públicos que foram multado por terem contas reprovadas.

Atualmente, fica inelegível por 8 anos quem tem as contas relativas a cargo exercido no poder público rejeitadas por irregularidade insanável.

Agora, após a sanção desta nova lei, políticos que exerceram cargos públicos e tiveram suas contas julgadas irregulares, sem imputação de débito, não serão mais impedidos de disputar eleição.

A projeto foi aprovado por 49 votos a 24, sob protesto de alguns senadores, que consideraram um ataque à Lei da Ficha Limpa.

 

 

Notícias de Sergipe

Email: contato@imprensa24h.com.br

Agilidade e informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h

Imprensa 24 Horas

Siga nossas redes:

Facebook
Instagram
Twitter

Imprensa 24h

Notícias de Sergipe: Informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h.

Deixe uma resposta