Pular para o conteúdo
Início » “Nosso time não tem espaço para bolsonaristas”, afirma Rogério Carvalho

“Nosso time não tem espaço para bolsonaristas”, afirma Rogério Carvalho

O senador e pré-candidato ao Governo de Sergipe, Rogério Carvalho (PT), concedeu entrevista nesta quarta-feira a rádio Rio FM Aracaju e apresentou algumas estratégias políticas que têm estabelecido em sua caminhada rumo ao pleito eleitoral deste ano. Entre as ações, ele discorreu sobre a importância do resgate da aliança iniciada em 2006, com a parceria vitoriosa entre os ex-governadores Marcelo Déda (PT) e Jackson Barreto (MDB), juntamente com o ex-senador, Antônio Carlos Valadares (PSB).

“O que apresentamos na coletiva é o símbolo da renovação desse grupo que, originalmente, foi iniciado por Marcelo Déda. São nomes novos, que não tiveram ainda a oportunidade de renovar o estado. São pessoas que têm compromisso política, não é uma aventura. São novos, diferentemente de outros que dizem ser novos”, afirmou logo no início da entrevista.

Segundo o senador Rogério Carvalho, o novo apresentado em seu discurso se caracteriza pelo que “vão oferecer”. “Ser novo é retomar o crescimento econômico, gerar emprego e renda. Isso é a novidade, com a renovação do compromisso político com essas lideranças. Porque somos do novo tempo, da conectividade e comunicação. Por isso, temos que nos adequar e produzir um governo que gere emprego e renda. E o desenvolvimento de Sergipe precisa ter um alinhamento com o presidente eleito. Porque, se o presidente não tiver a visão de trabalho conjunto com os estados, a gente não promove o desenvolvimento”, explicou.

Sem espaço para bolsonaristas

Questionado sobre possíveis apoios vindos de nomes aliados aos ideais do presidente Jair Bolsonaro (PL), o senador Rogério Carvalho foi enfático: “Nosso time não tem espaço para bolsonaristas. Se topa caminhar ao nosso lado, seja em qualquer função, tem que ser Lulista. Sergio Gama, que foi indicado pelo ex-governador Jackson Barreto para ser nosso pré-candidato a vice-governador, por exemplo, é uma pessoa de sucesso, que tem disposição e vontade. Quer trabalhar e está disposto a entrar na disputa. É uma boa proposta. Estamos somando nossos perfis e temos tomado uma cara mais complexa para o desenvolvimento do estado”, assegurou.

Fonte: Blog Primeira Mão

Imprensa 24h

Notícias de Aracaju, Sergipe e do Brasil

Instagram

Facebook

Twitter