Pular para o conteúdo
Início » Perícia de Sergipe auxilia PF em inquérito que apura morte de homem em Umbaúba

Perícia de Sergipe auxilia PF em inquérito que apura morte de homem em Umbaúba

Laboratórios periciais farão análises importantes para confirmar asfixia mecânica

O Governo do estado informa que todas as providências sobre o caso que envolve a morte de  Genivaldo de Jesus Santos, 38 anos, foram tomadas pelas forças de segurança pública de Sergipe.

A Polícia Civil coletou depoimentos de parentes da vítima, prestados por familiares e testemunhas na Delegacia da cidade de Umbaúba. Também foi providenciado pela Polícia Civil um relatório do local da ocorrência, com informações importantes para a investigação. Toda a documentação foi enviada na manhã desta quinta-feira (26) para a Polícia Federal.

O Instituto Médico Legal (IML) realizou todos os procedimentos necessários. O corpo deu entrada às 18h20 da quarta-feira (25), tendo início o processo de identificação por meio da papiloscopia e em seguida encaminhado para o exame de necropsia.

O IML detalha que foi realizada a necropsia médico forense, sendo coletadas amostras de material biológico. O material foi encaminhado ao Instituto de Análises e Pesquisas Forenses (IAPF), da SSP, para elucidar a causa imediata da morte, informações cruciais para o inquérito que está em andamento.

Foi identificado, de forma preliminar, que a vítima teve como causa da morte insuficiência aguda secundária a asfixia. Essa obstrução pode se dar através de diversos fatores e, nesse primeiro momento, não pode ser identificada e depende de exames complementares. Após a conclusão dos trabalhos, os laudos serão remetidos à delegacia da Polícia Federal.

O Governo do estado determinou que a Secretaria da Segurança Pública tomasse todas as medidas necessárias para auxiliar a Polícia Federal, que titulariza o inquérito, sobretudo com o envio imediato dos laudos periciais analisados pelo IAPF, da SSP.

Imprensa 24h

Notícias de Aracaju, Sergipe e do Brasil

Instagram

Facebook

Twitter