Pular para o conteúdo
Início » PRF faz doação de 100 armas de fogo para Guarda Municipal de Aracaju

PRF faz doação de 100 armas de fogo para Guarda Municipal de Aracaju

A Guarda Municipal de Aracaju (GMA), recebeu da Polícia Rodoviária Federal em Sergipe (PRF) 100 armas do tipo PT100 calibre ponto 40, que faziam parte dos equipamentos utilizados pelos agentes federais. A assinatura do documento que oficializa a doação desses itens de defesa para o município de Aracaju ocorreu na última sexta-feira, 1º, e a entrega foi realizada na tarde desta segunda-feira, 4.
De acordo com o secretário da Defesa Social e da Cidadania (Semdec), tenente-coronel Silvio Prado, a doação representa uma redução da deficiência da corporação a respeito do armamento, já que, atualmente, a GMA conta com 320 guardas e apenas 27 armas de fogo disponíveis para aqueles guardiões já capacitados para o uso do item. Agora, as 100 armas recém recebidas serão introduzidas ao serviço operacional, uma doação que equivale, em recurso financeiro, a um valor em torno de R$ 500 mil que seriam gastos pela gestão municipal e, com isso, foram economizados.
“A introdução desse armamento vai melhorar o serviço operacional, pois o guarda terá possibilidade de evitar crimes, fazer prisões em flagrante e, de um modo geral, melhorar a segurança pública para a população aracajuana. As armas já serão entregues com toda a manutenção necessária e o brasionamento da GMA, então, o guarda também vai se sentir mais protegido e preparado para atuar”, enfatiza Silvio.
O diretor geral da GMA, subinspetor Fernando Mendonça, explica que “com o recebimento das armas, poderemos colocar novos equipamentos, mais modernos, nas mãos dos guardas municipais”, o que deve “refletir em um melhor trabalho desempenhado por esses profissionais”, considera.
Além das armas, foram entregues, também, 27 mil munições para treinamento, quantidade suficiente para treinar e capacitar aqueles guardas que ainda não possuem certificado para o porte de armas semiautomáticas.
“Já temos um quantitativo razoável de guardas capacitados e, como a doação foi bem planejada, ela veio com munições para treinamento, uma quantidade suficiente para que todos os outros guardiões passem pela qualificação até o final deste ano. Isso vai refletir em um melhor trabalho desempenhado pelos profissionais, de forma que eles se sentirão mais protegidos, tendo em mãos um equipamento com maior capacidade de proteção, tanto da população como a si mesmos. Com essa doação, quem tem a ganhar é a população aracajuana”, ressalta Mendonça.
Todo o trâmite de doação vinha acontecendo há cerca de um ano, quando foi iniciado o trabalho de integração da PRF junto ao Município e ao Estado de Sergipe, com o objetivo de auxiliar em algumas necessidades que possam ser atendidas pela corporação, como foi o caso da doação dessas armas. Após uma visita à GMA, o comandante da corporação municipal, Fernando Mendonça, informou à PRF que havia uma necessidade de novos armamentos para os guardiões e a PRF prontamente analisou a possibilidade de doar esses equipamentos.
“Fizemos uma migração de calibre, que levou a um armamento em estoque que a gente teria à disposição justamente para fazer essas integrações. Não medimos esforços em providenciar isso e conseguimos a doação de 100 pistolas do tipo PT100 calibre ponto 40 para a GMA. Necessitamos desse apoio mútuo sempre e essa será uma importante ferramenta em defesa do cidadão aracajuano e na segurança dos colegas da Guarda Municipal. No processo de destinação natural, elas seriam encaminhadas para as Forças Armadas para o processo de destruição desse armamento, então nada melhor do que otimizarmos isso em prol da sociedade e de outros órgãos que necessitam do emprego delas”, explica o superintendente da PRF em Sergipe, Jason Terencio.
Capacitação dos guardas
O processo de capacitação dos guardas ocorre por meio de um instrutor de tiro credenciado junto à Polícia Federal, realizará o treinamento dos colegas de trabalho que ainda não possuem a licença necessária para o uso desse tipo específico de armamento. Esse porte será concedido após a realização do curso de formação que ocorre, obrigatoriamente, em uma instituição de ensino policial, em seguida os guardas estarão aptos a portar essas armas.
Atualmente, a GMA conta com guardas capacitados para o uso de armas semiautomáticas, como pistolas,  portanto, no primeiro momento, será feita a entrega das armas para estes profissionais, em breve, conforme ocorra a capacitação dos outros profissionais, as armas restantes serão distribuídas entre os agentes da corporação municipal.

Imprensa 24h

Notícias de Aracaju, Sergipe e do Brasil

Instagram

Facebook

Twitter