Rodrigo Valadares destaca opinião política e jurídica sobre a elegibilidade de Lula  

Durante entrevista à Comunidade FM, na última segunda-feira (15), o Deputado Estadual, Rodrigo Valadares, detalhou a sua opinião sobre a possível elegibilidade do ex-presidente Lula, dividindo-a em duas vertentes: Política e Jurídica.

Para o parlamentar, uma disputa política entre Lula e Bolsonaro tende a retomar a polarização ocorrida nas eleições de 2018, deixando pouco espaço para o fortalecimento de uma terceira via.

“Politicamente, a elegibilidade de Lula tenderá a polarizar a eleição mais uma vez, será uma eleição como foi em 2018, do PT (agora com Lula) contra Bolsonaro. A gente sabe que a possibilidade de, nesse cenário, surgir uma terceira via que poderia se desenhar, seja com o Ciro, Luciano Huck, João Dória, o próprio Moro, praticamente vai inexistir”, disse.

Mesmo reconhecendo a força do Partido dos Trabalhadores no Nordeste, Rodrigo afirma que essa elegibilidade não ameaça o presidente Jair Bolsonaro. “Prefiro acreditar que no final das contas essa polarização será positiva… A gente sabe da força muito grande que o PT tem, principalmente no Nordeste, mas eu acredito que a rejeição antipetista por todos os crimes que foram cometidos durante as suas gestões, tende a dar um pouco mais de vantagem a Bolsonaro”.

Já juridicamente, o Deputado aponta a situação como “preocupante” e nomeia a decisão como um “retrocesso gigantesco”.  “São anos e anos de investigação, julgamento em várias instâncias, ou seja, Lula foi julgado no primeiro grau da Justiça Federal, a sentença foi confirmada no Tribunal Regional Federal, depois foi confirmada novamente no STF e aí a gente vai ter uma insegurança jurídica muito grande no Brasil”, lamenta.

O Brasil é mundialmente conhecido pela impunidade que ocupa o centro político e a história do país mostra que essa é uma característica antiga. Nesse sentido, o Deputado Estadual declarou que a prisão de Lula trouxe a esperança de que, finalmente, os poderosos iriam ser punidos pelos crimes que cometeram e, com a nova decisão, essa expectativa foi tomada, fazendo com que  a impunidade volte a ser rei nesta terra. “Fico muito preocupado com o que vai acontecer no futuro do nosso país”, finalizou.

Por Assessoria de Imprensa

Notícias de Sergipe

Email: contato@imprensa24h.com.br

Agilidade e informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h

Imprensa 24 Horas

Siga nossas redes:

Facebook
Instagram
Twitter

Imprensa 24h

Notícias de Sergipe: Informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h.

Deixe uma resposta