Sargento Byron quer instituições da sociedade civil regularizadas e fortalecidas

Nos primeiros meses do seu mandato, o vereador da capital sergipana, Sgt. Byron Estrelas do Mar (Republicanos), realizou diversas visitas às instituições do terceiro setor para entender como cada organização tem enfrentado o atual cenário de pandemia. Durante os encontros, o parlamentar dialogou com representantes e conheceu de perto as dificuldades passadas por cada entidade.  Nesta semana, Byron já esteve em duas instituições: Anjos da Oncologia e Fazendo Campeões, localizadas no bairro Bugio e povoado Areia Branca, respectivamente.

 

Os dados divulgados pela DataFolha, no ano passado, mostram que os desafios  enfrentados pelas organizações da sociedade civil foram acentuados com a crise espalhada por todo o território brasileiro, sinalizando um futuro incerto para as ONGs. Entre as principais dificuldades apontadas estão a falta de apoiadores financeiros (41%), doações de materiais e equipamentos (13%) e voluntários para ajudarem a organização a se reerguer (11%).

 

Outro fator que tem preocupado é a falta de regularização de algumas instituições, fator que acaba dificultando a captação dos recursos por meio de editais de financiamentos e até mesmo a vinculação em programas, ações que beneficiam a oferta dos serviços oferecidos.

 

 “O meu mandato vai dialogar com o máximo de instituições possível para que possamos orientar e viabilizar a regularização de cada uma. Essas organizações menores, por exemplo, às vezes não têm nem um apoio contábil e jurídico para que organizem suas documentações. A nossa ideia é mostrar o caminho para que todas abracem as oportunidades, consigam mais recursos e intensifiquem a oferta dos seus serviços”, explicou o vereador.

 

Para Byron, esses encontros são muito importantes para o fortalecimento da rede e para que as demandas apresentadas possam ser levadas para os órgãos competentes. “A ideia, além de orientar os representantes das instituições, é que essa rede seja fortalecida e suas solicitações atendidas. Todas estão passando por momentos bem delicados. O meu mandato está aqui para contribuir da melhor maneira possível para que sejam encontradas alternativas que ajudem as organizações a superarem esse período difícil e façam com que as ONGs continuem prestando os seus serviços à sociedade”, reforçou.

Foto: Edilson Honório

Por Pábulo Henrique, assessor de imprensa

 

 

 

 

 

Notícias de Sergipe

Publicidade:

Email: contato@imprensa24h.com.br

Agilidade e informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h

Imprensa 24 Horas

Siga nossas redes:

Facebook
Instagram
Twitter

Imprensa 24h

Notícias de Sergipe: Informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h.

Deixe uma resposta