Secretário Josué Modesto visita Centro de Educação Tecnológica do Senai Sergipe

O secretário de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura, professor Josué Modesto dos Passos Subrinho, acompanhado do superintendente executivo da Educação, professor José Ricardo de Santana, visitou nesta quinta-feira, 10, as instalações do Centro de Educação e Tecnologia Albano Franco, do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), unidade localizada em Aracaju, a fim de conhecer os recursos técnicos que a escola disponibiliza aos alunos matriculados na Educação Profissional. A Seduc e o Senai são parceiros na oferta de dois cursos técnicos concomitantes ao ensino médio a 60 estudantes da rede estadual, cujas aulas iniciaram esta semana de forma remota.

O Cetaf é uma das unidades do Senai Sergipe referência na oferta de cursos de tecnologia da automação industrial. Durante a visita, o gestor da Educação Estadual pôde conhecer os principais laboratórios e suas funcionalidades. “O Senai é uma instituição que nos orgulha muito, não apenas pelos excelentes resultados e o destaque nas aprovações, mas também pelo engajamento e entusiasmo dos professores e de todos que fazem parte dessa equipe. Nosso objetivo é procurar os melhores parceiros para poder avançar no que a gente se propôs a colocar em prática”, disse o secretário Josué Modesto, enfatizando ainda que é prioridade da rede estadual ofertar uma educação propedêutica aos estudantes sergipanos, por meio das competências da Base Nacional Comum Curricular (BNCC).

O gerente executivo de Educação Profissional e Tecnológica do Senai, Felipe Morgado, também participou do encontro e falou, por meio de videoconferência, da importância da parceria com a rede pública estadual de ensino na perspectiva de oferta de novos cursos técnicos. Ele também explanou sobre o Novo Ensino Médio ofertado pelo Senai. “Fomos a primeira instituição a implementar o Novo Ensino Médio, seguindo todas as legislações, participando de todas as discussões, tanto das diretrizes curriculares do ensino médio quanto da atualização das diretrizes curriculares da educação profissional, para garantir o sucesso, que é preparar estudantes engajados e dotados de técnicas inovadoras para o mercado de trabalho”, detalhou ele, explicando ainda os benefícios do Itinerário V.

De acordo com a gerente de Educação Profissional do Senai, Silvia Regina Delmondes Freitas, a instituição trabalha com a perspectiva de interiorização da Educação Profissional. “Para tanto, a gente está antecipando essa conversa para podermos estudar as possibilidades em torno da contração de profissionais, promover formações, entre outras demandas”, informou. Ela ainda garante que a metodologia ofertada pelo Senai é a do ensino que se adapta àquilo de que o aluno precisa: “o que se encaixa nas suas necessidades”, frisou.

Convênio Seduc e Senai

Foi formalizado no mês de maio, o termo de cooperação entre o Seduc e o Senai para a oferta de cursos da Educação Profissional, concomitante ao Ensino Médio, a 60 alunos da rede pública estadual. A iniciativa está beneficiando estudantes matriculados em duas escolas estaduais situadas em Aracaju. Serão 30 vagas para o Colégio Estadual Professor Arício Fortes, no curso de Administração; e 30 vagas para o Colégio Estadual 24 de Outubro, no curso técnico em Segurança no Trabalho.

O professor José Ricardo de Santana, superintendente executivo da Seduc, destaca que o convênio possibilitará que os alunos da rede estadual tenham a oportunidade não somente de cursar o ensino médio, mas também de fazer um curso técnico integrado oferecido pelo Senai. “Os alunos estão acompanhando as atividades do curso no contraturno às aulas obrigatórias previstas no calendário escolar da unidade de ensino”, informou o gestor.

Durante os cursos, cujas cargas horárias são de 1.130 horas (Administração) e 1.340 horas (Segurança do Trabalho), os alunos terão acesso ao material didático disponibilizado pelo Senai, que poderá ser acessado no Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA/Senai), além dos kits pedagógicos para aulas práticas do curso de Segurança do Trabalho.

Publicidade:

O diretor regional do Senai, Paulo Bergamini, também expressou sua satisfação com o convênio. “Para nós é uma honra firmar essa parceria com a Secretaria de Estado da Educação, ação que permitirá que os estudantes possam ampliar seus horizontes diante do atual cenário”. Durante a visita, o gestor apresentou detalhes sobre as unidades móveis do Senai, que ofertam cursos de curta duração, de 40 a 160 horas, para áreas como panificação, confecção, soldagem, usinagem CNC, automação, mineração, construção civil e nanotecnologia.

Presenças

Também participaram da visita técnica a diretora do Departamento de Educação (DED), professora Ana Lúcia Lima; a coordenadora do Serviço de Educação Profissional da Seduc (Sepro), professora Rivânia Andrade; e a diretora de Educação de Aracaju (DEA), professora Gilvânia Guimarães.

 

 

 

 

 

Notícias de Sergipe

Email: contato@imprensa24h.com.br

Imprensa 24 Horas

Siga nossas redes:

Facebook
Instagram
Twitter

Imprensa 24h

Notícias de Sergipe: Informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h.

Deixe uma resposta