Pular para o conteúdo
Início » Selma Andrade Dantas de Jesus: A mulher que contribuiu para o desenvolvimento do Sistema de transporte de Aracaju

Selma Andrade Dantas de Jesus: A mulher que contribuiu para o desenvolvimento do Sistema de transporte de Aracaju

Selma Andrade Dantas de Jesus nasceu na Ilha do Arambipe, município de Brejo
Grande/ SE, no dia 16 de julho de 1958. Seus pais biológicos, Durval Batista dos Santos
e Anita Batista dos Santos, a entregaram para adoção a Augusto Andrade Costa e Lídia
Laurindo dos Santos Andrade. Muito bem recebida pela família adotiva, Selma foi criada
e educada com muito amor, recebendo dos seus pais toda orientação para a vida, aonde
valores como respeito, responsabilidade, decência e amor sempre estiveram presentes.
Sua infância foi muito feliz em contato com a natureza, com coisas simples, como
cheirinho de mato, banhos no rio São Francisco e praia e em dias de chuva banhava-se na
bica e ajudava, também, nas tarefas do lar, coisa que sua mãe não dispensava.
Com sua mãe adotiva, também aprendeu a ser prudente e se desviar do mal.
Alfabetizada em casa por ela, relembra, o primeiro presente que recebera de seu tio
materno: um ABC. Aos sete anos foi estudar em um internato de freiras na cidade de
Penedo/ AL, escola de muita disciplina, horários e rituais religiosos, onde os estudos
tinham de ser cumpridos à risca. Mas isso não significou nenhum problema para essa
mulher que já vinha de uma família na qual esses princípios já eram de lei.
Em 1968 a família mudou-se para Aracaju, e Selma foi matriculada no Colégio
Jackson de Figueiredo. Em seguida, passou a estudar no colégio Arquidiocesano, e ali
terminou o ginásio. Cursou o ensino pedagógico e concluiu o terceiro ano científico no
CCPA.
Em 1980 prestou vestibular para o curso de Relações Públicas pela Faculdade
Tiradentes e quando estava cursando o quinto período, começou um estágio na Empresa
Energisa por indicação do vereador Jorge Araújo, concluindo em dezembro de 1984.
Em 11 de Maio de 1985, casou-se com Genivaldo Dantas de Jesus, um baiano,
engenheiro químico, natural da cidade de Nova Soure/BA, homem tranquilo e que sempre
a incentivou a estudar e trabalhar. Da união nasceram dois filhos: Vinícius, em 1987 e
Gabriel, em 1989.
Em 15 de julho de 1989, começou a trabalhar no Sistema Municipal de
Transportes Urbanos (SMTU), empresa que trouxe para Aracaju um novo sistema
integrado de transportes, que dava direito ao passageiro de andar por toda a cidade com
uma única passagem. Em setembro de 1997, com a mudança do novo código de trânsito,
participou ativamente da nova estrutura organizacional da instituição, que passou a ser
chamada de Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT).
Em 2008 fez o curso de Pós Graduação em Gestão de Educação, Segurança em
Transportes e Trânsito pela Faculdade São Luiz de França. No mesmo ano, a família
resolveu adotar uma criança, Guilherme, atualmente com 12 anos, fato que marcou muito
a vida familiar. Em 2016 Selma se aposentou da SMTT e aceitou mais um desafio de
trabalhar na área de educação para o Trânsito na cidade de Maruim, onde prestou serviço
até dezembro de 2020.
Esta mulher incrível, competente e apaixonada pelo seu trabalho carrega uma
bagagem de conhecimento e experiências na sua vida profissional, contudo acredita que
suas amizades, construídas ao longo de sua trajetória contribuíram bastante para a mesma
se tornar a excelente profissional que sempre foi. Nota-se, com isso, a humildade de
Selma Dantas nesse reconhecimento.
A competência dessa extraordinária mulher, profissional e ser humano que foi um
exemplo nos cargos que ocupou durante sua trajetória, demonstra a quão corajosa, forte
e determinada ela é. Seu exemplo, sem dúvida, é cabível de louvor e de ser copiado pelas
futuras gerações. A frase com a qual Selma Dantas se identifica – já ouvia da sua mãe
desde os tempos de criança- e sempre foi o seu lema é: ACIMA DO MEDO, CORAGEM

Escritora e Historiadora Josevânia Sobrinho Santos. Natural Japaratuba-SE. Formada em Desenho de Construção Civil pelo Instituto Federal de Sergipe, Auxiliar e Técnica de Enfermagem pelo Centro de Estudos, São Lucas, licenciada em História, pela Universidade Tiradentes, Pós graduanda em Psicanalise pela FAVENE, Presbiteriana. Atualmente funcionaria em Hospital de Cirurgia onde o trabalho vendo vidas chegando vencendo adversidades e seguindo em frente e outras vidas chegam e se encerram ali mesmo, fato que a levou a reflexão na qual criou está coluna e seus escritos biográficos. Seja bem vindo a leitura do Biografia de cada dia.

Imprensa 24h

Notícias de Aracaju, Sergipe e do Brasil

Instagram

Facebook

Twitter