Sistema de reserva técnica de livros didáticos estará aberto até o dia 1º de julho

O Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), vinculado ao Ministério da Educação, alterou o prazo para que as escolas solicitem livros didáticos extras no sistema de reserva técnica. Mantida pelo FNDE, essa reserva serve para auxiliar as escolas que não conseguiram suprir a demanda mesmo com o remanejamento dos livros. Nesses casos, gestores escolares devem acessar o sistema para fazer seus pedidos.

 

Inicialmente, o sistema foi aberto para que as secretarias de educação avaliassem as demandas de livros que não foram atendidas no remanejamento entre escolas. Os representantes das secretarias de educação dos estados e municípios já validaram os pedidos, que foram automaticamente migrados para a ferramenta de reserva técnica.

 

A partir do dia 24 de junho, as escolas passaram a ter acesso ao sistema para fazer novos pedidos. O novo prazo vai de 24 de junho a 1º de julho. Por fim, de 24 de junho a 3 de julho, o sistema estará aberto para as secretarias de educação validarem essas novas demandas das escolas e registrarem seus próprios pedidos, observando o limite de até 3% que cada rede e escola federal tem direito.

 

Para auxiliar escolas, o professor Marcus Vinícius, coordenador da Divisão de Apoio à Leitura e Gestão de Livro da Seduc, traz um vídeo tutorial explicando o sistema:https://youtu.be/QP1_wd6FeF0.

 

 

Por Leonardo Tomaz

 

 

 

Notícias de Sergipe

Email: contato@imprensa24h.com.br

Agilidade e informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h

Imprensa 24 Horas

Siga nossas redes:

Facebook
Instagram
Twitter

Imprensa 24h

Notícias de Sergipe: Informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *