UFS realiza 50 testes para mapear casos assintomáticos da Covid-19

Por meio de uma parceria com a Universidade Federal de Sergipe (UFS), o Corpo de Bombeiros Militar de Sergipe (CBMSE) realizou, na manhã dessa segunda-feira (15), a testagem rápida dos militares para o diagnóstico do novo coronavírus. Foram disponibilizados 50 testes e a expectativa é de que o resultado saia em 24 horas.

O diretor operacional do CBMSE, tenente-coronel Fábio Cardoso, explica o critério da amostra selecionada para os testes: “Para fazer esses 50 testes, priorizamos o militar que está na linha de frente, atendendo ocorrências”.

O professor do Departamento de Farmácia da UFS que lidera o projeto de testagem, Lysandro Borges, explica como funciona o teste e enaltece o trabalho dos militares no combate ao vírus. “O teste é feito por meio do método de fluorescência de anticorpos IgG e IgM para a SARS-CoV-2, no qual o Índice de Cut-off (COI) maior ou igual a 1,1 indica o resultado reagente para IgG e IgM. Entre 0,9 e 1,1 COI é considerado indeterminado. E abaixo de 0,9, COI é classificado como não reagente. Esse projeto é fomentado pelo Ministério Público do Trabalho (MPT-SE), Ministério Público Federal (MPF-SE) e Ministério Público de Sergipe (MPE-SE), com recursos financeiros para que possamos fazer as testagens dos profissionais de saúde e outras áreas essenciais. Não poderíamos nos esquecer do Corpo de Bombeiros, que está na linha de frente, ajudando a população. Nosso papel enquanto universidade é lembrar desses profissionais, ajudando-os com esse teste, que é um dos melhores do Brasil”, explica o professor.

Para o subtenente Cardoso, que participou dos testes, a iniciativa é exemplar. “É sem dúvidas uma iniciativa muito importante, contribuindo para a segurança da tropa, que atua em diversas situações de risco e acaba se tornando mais vulnerável ao vírus”, ressalta.

Publicidade:

O comandante-geral do Corpo de Bombeiros Militar de Sergipe (CBMSE), coronel Alexandre José, ressaltou a relevância dessas informações visando um maior conforto e uma maior orientação do ponto de vista da saúde dos militares. “Recebemos a equipe da Universidade Federal de Sergipe, mais especificamente, do Departamento de Farmácia, que se prontificou a fazer testagem com 50 militares aqui na corporação. Entendemos que essa iniciativa da academia junto à sociedade e junto aos órgãos de segurança pública é de extrema importância, para que tranquilizem os militares quanto às possibilidades de contágio desse vírus. Obteremos informações daqueles militares que eventualmente já se contaminaram e já estão recuperados e aqueles que possam estar no momento assintomáticos, mas, com o vírus em pleno desenvolvimento”, concluiu.

 

 

 

Notícias de Sergipe

Email: contato@imprensa24h.com.br

Agilidade e informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h

Imprensa 24 Horas

Siga nossas redes:

Facebook
Instagram
Twitter

Imprensa 24h

Agilidade e informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *