Pular para o conteúdo
Início » Valmir de Francisquinho chega nos braços do povo e é homologado candidato a governador em convenção do PL

Valmir de Francisquinho chega nos braços do povo e é homologado candidato a governador em convenção do PL

Numa tarde festiva e histórica, o ex-prefeito de Itabaiana, Valmir de Francisquinho, foi homologado candidato a governador na convenção do PL, ocorrida na tarde desta sexta, 5, na sede do partido na rua de Estância, centro de Aracaju.

Ladeado por todos os candidatos proporcionais do partido, além do também homologado candidato a senador Eduardo Amorim, Valmir, em mais de um momento durante a sua fala na convenção, se emocionou, emocionando também as milhares de pessoas presentes ao evento.

“Nós temos que ter a consciência que só ganha quem for do gosto do povo sergipano. Nós não temos dinheiro pra comprar o povo. Nós temos o nosso trabalho pra demonstrar e convencer o povo sergipano”, disse Valmir de Francisquinho.

O agora candidato a governador também fez questão de lembrar que o seu estilo de administrar, já testado e aprovado em Itabaiana, será determinante para o sucesso de um governo seu, em caso de vitória. “Eu preciso de uma única oportunidade para mostrar a força do trabalho. Acordar 4 horas da manhã, dormir meia noite. Dormir pouco e trabalhar muito”, garantiu o agora candidato a governador de Sergipe.

Acompanhado de sua candidata a vice, Emilia Corrêa, a única mulher, dentre as candidaturas competitivas ao governo, candidata ao cargo, Valmir de Francisquinho fez questão de pontuar outra questão: a acessibilidade ao governador e ao governo que ele pretende imprimir em sua gestão. “Quem saiu de sua casa, quem veio do interior aqui pro PL, pode ter a certeza de que, com Valmir e Emília, o Palácio de Governo vai ser assim também: vocês vão falar diretamente comigo. Porque eu sempre fui e seguirei sendo assim”, revelou.

Por fim, o candidato a governador resumiu a disposição que possui para governar o Estado. “Eu peço sempre a Deus: se não for para ser o melhor governador da história de Sergipe, eu não quero ser governador”, finalizou Valmir de Francisquinho sob aplausos do público presente, que o ovacionou gritando “Pato, Pato, Pato”, como Valmir é popularmente chamado.

Imprensa 24h

Notícias de Aracaju, Sergipe e do Brasil

Instagram

Facebook

Twitter